Sobre: ser noob

25 jan

Eu me esforço. Juro que me esforço!

Eu estudo, pergunto, aceito sugestões, faço zilhões de testes com tudo, tiro cada dúvida que tenho, corro atrás de ser uma jogadora melhor, com resultados melhores, para ser feliz e deixar quem joga comigo feliz tb. Mas tá difícil!

Pesquiso, passo tempo em dummie, corro atrás de equipamento – com muita dificuldade, já chego lá – fico vigiando minha rotação procurando qualquer erro, e cheguei no ponto de estar com 2 builds de balance para ficar comparando, testando. Fiz o blog porque minha memória maravilhosa não me permite lembrar nem o que comi na última refeição, então para não esquecer nada, e ter referências fáceis, anoto, traduzo, comento, processo, para não correr risco de não aprender.

E todo esse esforço tem se resumido em kicks de praticamente todos os lugares. E assim… não fico triste por isso, não fico brava com as pessoas pq, né… é um jogo que tem requisitos, e eu entendo. Mas por outro lado, bate a sensação que eu nunca vou alcançar eles! Como vou juntar JP e VP se eu quase nunca consigo terminar as dungeons/heroics que eu começo? Como eu vou raidar se meu dps continua baixo? Como vou ter playskill em heroic/raid se é raro eu fazer?

Aí chega em outro ponto, que sei que é meu fraco: playskill. Li no blog do Qieth que, para jogar bem de balance, você precisa ensinar a rotação pros seus músculos. Ou seja, apertar os botões, clicar, whatever, sem pensar, sem olhar, sabendo onde está tudo, e é verdade, como em qualquer outra classe. Ontem descobri que isso eu consegui… fui fazer uns testes de keybindig [depois de 6 meses do namorado dizendo que eu devia colocar os dots no Q e E respectivamente, que isso ia melhorar absurdamente], e vi que eu vou no automático pra tudo, não perco tempo pensando.

Vou pros dummies. E é lindo! Tudo no tempo certo, skills que não são exatamente da rotação são encaixadas com perfeição, uma maravilha. Então, hora de ir fazer heroic! Só que aí tem um detalhe: o dummie não tem 340956840563049856 adds, não joga fogos no chão que ficam te perseguindo, não faz cair bolas da morte do céu nem solta comidas no chão que vc tem que comer senão elas te matam, nem te obriga a ficar em /range do povo senão é wipe pq o dano é geral, não marca ngm aleatóriamente e vc tem que sair correndo senão é hit kill, não chama amiguinhos que vc tem que matar pq eles vivos dão super poderes pra ele – nem faz tudo isso ao mesmo tempo.

Eu presto atenção nas explicações. Escuto o que todos dizem. Não fico no fogo. Tento bater em quem tem que bater. Corro pra onde tem que correr. Leio sobre as lutas, vejo vídeos quando sei com antecedencia que vou fazer elas. Mas na boa? Não adianta saber o que vai acontecer, adianta vc saber fazer certo quando o bagulho ta acontecendo. Você pode saber cantar a luta toda, mas se não conseguir fazer tudo do jeito que deve na hora, não adianta. E só saber, a teoria, não te faz correr mais rápido, trocar de target mais rápido nem processar as 458034985039486 informações que aparecem na tela ao mesmo tempo. Isso só a prática, só participar da luta, só alguns necessários wipes te ensinam. É o negócio de ‘ensinar para os músculos’ também.

Tenho meus momentos de pensar em largar disso, de pensar em equipar e raidar, e ficar só passeando, fazendo achievs bobos, eventos, farmando, upando reputações antigas, arqueologia, etc, etc. Coisa pra fazer no jogo não falta. Não penso em parar de jogar pq realmente gosto muito, mas que é tentador só fazer coisas que não tem chance de dar errado e dependem só de você, isso é.

Mas ao mesmo tempo que penso nisso, vem alguém oferecendo ajuda. Dando dica, oferecendo pra me levar pra heroic, para craftar um equip, e nessa hora, eu vejo que vale a pena me esforçar. Que é difícil, mas que dá pra fazer. E vejo os logs da Paragon, com druida balance sendo um dos maiores dps em raid me mostrando que ó, vc pode ser bem útil, só continuar correndo atrás.Então, eu vou 🙂

Até!

Anúncios

9 Respostas to “Sobre: ser noob”

  1. Fabi 25/01/2011 às 18:30 #

    Negócio é não desistir.

    boa sorte

  2. Coxinha 25/01/2011 às 19:48 #

    Esses kicks todo mundo sempre leva no começo das heroics, depois melhora, depois vc vai estar equipada, eu sei que parece impossível, mas nao é. =]

    Uma dica pra se pegar playerskill: antes de fazer sua randon, coloque a que vc tem mais dificuldade p fazer em especifico, foi kickada dela, fez pelo menos 1 boss ta otimo, go go pra proxima que vc sempre morre no foguinho e assim por diante.

    Esqueca equipamento e se concentre em conseguir essa skill, pq equipe é consequencia de um bom desempenho.

    O jeito mais facil de se equipar, é voce achar um grupo fixo de 5 pessoas que tbm precisem de equipe, pq dai vcs vao fazer as heroicas ateh o fim, mesmo que wipe 10k de vezes e vao aprender a se mexer. =]

  3. Sadraque 26/01/2011 às 01:42 #

    Continua mesmo correndo atrás, o jogo te bate, te machuca, te enche o saco (mesmo voce fisiologicamente não tendo um), mas quando dá tudo certo vale a pena. Terminar aquele boss da heroica mais dificil ou um boss de raid dá um alivio e uma vontade de continuar sem comparação.

    E tem certeza que mudar o Q e o E não vai te atrapalhar na movimentação? xD
    Bom, não vou palpitar em um conselho de 6 meses né, heh.
    Nos proximos posts coloca sua rotação aí pra gente falar mal, hahaha.
    Uma dica pra se pegar playerskill (que nem a da Coxinha ;p): Dá uma olhada nos vídeos reparando no que o druida faz antes de sair correndo ou quando vê que precisa se movimentar ou trocar de target. Por exemplo, shadow priests e affliction locks sempre deixam todos os dots antes dessas coisas.

    E tenta logar a tarde quando der que tem heroica rolando ^^

    =*
    o/

  4. Eikani 26/01/2011 às 04:54 #

    Fabi, obrigada! Desistir é até tentador, mas acho que ainda tento por um bom tempo =P

    Coxínha, sem skill não pego equip, sem equip fica mais difícil entrar nos lugares e não morrer, complicado =P
    Mas eu to treinando e tentando, vai dar certo sim e eu vou ser A moonkin kick ass. Obrigada!

    Sadraque, obrigada 🙂
    Vou procurar sim os vídeos, e mandar uns emails também… o carinha do blog que eu citei é bem legal, acho que vou pedir umas dicas. Ah, e mudar a tecla me atrapalhou sim… as skills que pus no Q e no E ficam no 5 e no 6, e já acostumei com elas lá. Tentei mudar pra ver se facilitava [depois de muita insistencia], mas só me enrolou =P
    Ah, e a rotação já ta em post programado!
    E se der, se estiver tranquilo no trabalho, logo à tarde e vamos heroic sim o/
    =*

  5. Tanarbus 27/01/2011 às 15:49 #

    É isso ae dona Flávia, nada de desistir! Siga os sábios conselhos da coxinha e simbora. Já pegou o trinket de tol barad? Gogo farm! E relaxa, todo mundo já foi noob um dia. xD

  6. betocoke 27/01/2011 às 19:43 #

    Faz BG. Faz PvP.

    Arena é meio tenso, mas BG te “ensina” a usar rápido uma skill aleatória que você não esperava ser necessária aquela hora.
    PvP te ensina muito a ser rapido nas teclas/skills, mesmo você não gostando de pvp. Duel também vale um pouco pra isso. Você aprende a ‘decorar’ onde está cada uma de suas skills, e fica sendo uma coisa a menos pra pensar no meio da bagunça. Você não perde tempo pensando “OMG onde está meu battle ress?”

    Só não vale estressar porque perdeu. E nem vale fugir pra cima de um morrinho e querer matar tudo e não morrer. Pra aprender, tem que cair no meio, tem que usar todas as skills (e não só moonfire/ wrath), enfim, tem que morrer muito pra aprender a ficar vivo no meio de situações complicadas (um rogue te batendo, um warrior vindo, e um mage te congelando). Vc vai morrer, mas vai se acostumar com “situações de panico”.

    De novo: não importa jogar bem ou mal pvp, vencer ou perder. Importa pegar o jeito da movimentação + fuga + ataque. Depois é usar tudo isso em raid =D

  7. Eikani 27/01/2011 às 22:57 #

    Tanarbus, obrigada! E to farmando a rep pra pegar o triket, falta uns 12k ainda 😦 Mas não perco um dia de daily!

    Beto, isso é lá conselho que se dá pra uma pessoa que dá /dance quando o povo vem atacar? [sim, sério, eu faço isso haha]. Implicancias com PvP à parte, é uma ótima idéia. Vou me esforçar pra fazer pelo menos um BG por dia, e pedir pra amiguinhos duelarem comigo! Ah, e pelo menos o b-ress eu sei onde fica e alcanço rápido =)

  8. Roberto 29/01/2011 às 02:45 #

    Bah esse texto parece que foi escrito pra mim. Tô exatamente nessa sua situação, comecei a jogar a 2 meses, não sei a quanto você joga, acredito que ja melhorei bastante, mas tem mto chão ainda. O brabo eh achar gente disposta a aprender junto.
    Essa semana ultrapassei o ilvl 329 e queria fazer um grupo pra heroicas com o pessoal da guild em que eu estou, mas os caras são “hardcore” nao tem paciencia pra ensinar querem fazer a heroica em 10 min e se tu nao souber a luta…”bye champ”…vejo video e tudo mais, mas não é a msm coisa.
    Ainda ontem resolvi me enturmar mais, e fazer uma raid antiga com o pessoal da guild, na busca pelo achiev, meu e da guild…pensei comigo msm…”vou me esforçar ao máximo, e mostrar que sou capaz” e não é que meu mouse inventa de dar problema e para de funcionar os botões todas só funciona a mov;]. da camera, e so volta a funcionar reiniciando (temperamental), lá vai eu a cada boss uma reiniciada, se não menos. Acabei wipando o pessoal 1 vez pq nao podia matar o boss (deram um explicaçao meio que incompleta sobre como agir naquela situação, mas enfim, nao quero tirar o corpo fora) fora as vezes em que eu acabava lurando mais mobs do que deveria, tirando o fato que sou hunter, que sempre rola um preconceito extra.
    O problema que esse joga já esta indo pro 7° ano, e tem mta gente que joga faz tempo…sempre pergunto a quanto tempo joga e tudo mais com quem tenho contato, por enqt eu sou o jogador mais novo que conheco, e nao conheco ninguem que jogue a menos de 1 ano.
    Bom é isso aí, depois desse desabafo, desejo boa sorte, a nós dois e a todos os players que estão se sentindo assim.

    • Eikani 29/01/2011 às 05:14 #

      Roberto, eu jogo [em teoria] há uns 5 anos. Mas só comecei a levar a sério, upar pra chegar no ultimo level e querer raidar, há menos de um ano. E eu comecei a jogar por felicidade mesmo, nunca me preocupei em estudar, nem nada… só agora que decidi que ia jogar bem, haha.
      É muito complicado. Mas é só procurar que vc acha sim gente disposta a ajudar, a explicar, a ensinar tudo certinho, só pra ter um player melhor do lado mesmo, já que no caso de dungeons e raids o que importa é o conjunto, e não cada um. Só que pro conjunto ser bom, cada um tem que fazer sua parte certinho 😉
      Primeiro, conserta o mouse =P
      A net aqui de casa é péssima, e infelizmente, sei que enquanto não consertar isso não vou poder me comprometer efetivamente, por melhor que esteja. Depois disso resolvido, encontre um grupo de pessoas legais [eu dei muita, mas muita sorte com a minha guilda], e corre atrás. Estuda sua classe, converse com outros hunters, discuta, veja o que funciona pra eles… e como disse a Coxínha, não tenha medo de wipar e ser kikado, faz parte!
      Minha frustração ta bem menor, mas sei que ainda tenho um loongo caminho pra percorrer. Aí, meu melhor conselho é o mesmo que me deram: não desiste, que no fim das contas a diversão vale a pena =D
      E qualquer coisa pode escrever, vamos dividir as frustrações de noobs lol

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: